sexta-feira, 15 de julho de 2011

Bom futebol e placar injusto

É certo de que o placar foi injusto, mas o maior lema de todos se aplica neste caso: "Quem não faz, leva".

D'alessandro estava no lado o qual eu defendo que ele fique e Oscar idem. Mas os dois demoraram um pouco para jogar juntos. Na necessidade de D'ale por Oscar e vice-versa, o Inter começou a jogar.

O time foi melhor que o Corinthians em determinados momentos do jogo e o adversário também assustava às vezes. Era uma partida com cara de empate, onde os erros podiam ser fatais.

Na 2ª etapa, Oscar pouco apareceu e, muito distante, D'ale teve de jogar sozinho. Zé Roberto é um grande enigma, pois há jogos que ele atua bem, outros ele nem pega na bola, outros, dá um chute ou passe e todos os comentaristas do mundo dizem que ele joga muito. Nei se mostra inconstante. Os grandes nomes do time nesse jogo: esse guerreiro da foto chamado Guiñazú e nosso goleiro Muriel.

Nossa defesa até ia bem, até Falcão mexer na hora errada. O Corinthians aproveitou que o Inter ainda se posicionava com as alterações e marcou o único gol do jogo.

Mas vamos combinar que Falcão não acerta uma substituição (Nem o culpo muito, pois o Inter não tem banco). Glaydson entrou e não marcou o jogador que deu o passe para Willian. E Alex? Quem é Alex? E Gilberto que tem as mesmas características de Damião? Se o próprio camisa 9 lutou e não pôde fazer muito, Gilberto conseguiria?

De reforços, nada mais pode ser falado, pois a diretoria já deixou claro as dificuldades em contratações.

Não temos Oscar e Juan por um bom tempo e quem irá substituí-los, não é novidade. Preparem-se para mais problemas daqui pra frente.

Concordo quando falam que nem sempre o placar traduz o que foi o jogo. O Inter merecia o empate e até mesmo uma vitória, mas cá para nós, o Juiz foi de tirar do sério! Quem já não se cansou de jogar contra Corinthians, Flamengo e outros, e se queixar da arbitragem?

O resultado foi deveras injusto, pela boa partida que o Inter fez fora de casa, contra o líder do campeonato. É difícil conviver com os altos e baixos do time de Falcão, mas essa é a equipe que temos. Devemos nos acostumar?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Curta nossa fanpage!