sábado, 26 de maio de 2012

Espírito de luta venceu, mas e a defesa?

Dorival saiu de Porto Alegre com o pensamento do empate, tanto que enfiou 3 volantes no time. Com 15 minutos de jogo já tava 2 x 0 para o Flamengo e ele não fez nada. O Inter não tava jogando mal e Dátolo, mais conhecido como "o sozinho", estava criando boas jogadas e o colorado chegava no ataque. Mas o nosso problema não é o ataque e sim nossa péssima defesa.

Não dá mais para manter Índio, todo mundo viu que o Wagner Love só jogava em cima dele, pois sabia que ia ganhar a jogada. A direção ainda quer renovar com ele! Chega! Ainda mais fazendo pênaltis infantis! Daqui a pouco o Moledo leva uns cartãozinhos amarelos, fica fora, e o Bolívar volta pra fazer dupla com o Índio! Não dá mais!

Gilberto fez o gol? Haha, piada. Quando eu vejo ele em campo, me dá uma saudade do Alecone e do Edu. Pelo amor de Deus!

O fato é que o Inter voltou para o 2º tempo sem o tal de Josimar (cruz credo, a gente cuspiu na cruz, não é possível!) e veio com o tal de Maurides (cruz credo, a gente jogou pedra na cruz, não é possível!), e mudou só a questão da retranca, pois Maurides era um ser invisível na partida.

Com uma melhor postura, Dátolo chamou ainda mais a responsabilidade para sí. Fez uma excelente partida, como na sua estreia pelo Inter. Fabrício marcou um lindo gol (que pedrada!) e Dátolo, naquilo que sabe fazer de melhor, chutou de fora da área e marcou mais um belíssimo gol.

Diante de um Inter totalmente desfigurado, o empate não foi ruim. A questão é que nossa zaga continua comentendo os mesmo erros, e a direção não faz NADA! É gol de bola parada o tempo inteiro, todos os times já sabem onde e como jogar. Se nós empatamos, foi por espírito de luta do time e pelas qualidades individuais de Fabrício e Dátolo. Mas não podemos depender disso!

Há tempos o Inter ressuscita times em crise, e hoje quase repetimos o feito. Dorival não é técnico para o Inter, nunca foi. Ou a direção para de sonhar com jogadores e os contrata logo, ou ficaremos felizes por ganharmos o gauchão e sermos eliminados da libertadores de novo!

PS: Quase morrí de rir quando Paulo Cézar Vasconcellos falou que se o Atlético-MG contratou o Jô do Inter, fez um péssimo negócio. Coitado dos atleticanos!

Foto: Alexandre Lops

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Curta nossa fanpage!