quinta-feira, 12 de abril de 2012

Nilmar entra no 2º tempo e o Villarreal enfim consegue uma vitória

O Villarreal foi capaz de uma virada incrível em El Madrigal e impediu que o Málaga retomasse a terceira posição no Campeonato Espanhol. Graças a um gol de Hernán Pérez no último minuto da prorrogação, o Submarino Amarillo alcançou a virada por 2 a 1. Porém, apesar da vitória, a equipe permanece na 17ª colocação na tabela, uma acima da zona de rebaixamento, agora com sete pontos a mais que o Sporting.

Em primeiro tempo de poucas chances de gol, o Villarreal teve o seu grande momento aos cinco minutos. Marcos Senna dominou no meio de campo e soltou uma bomba indefensável, que acabou explodindo no travessão adversário. O Málaga, no entanto, foi levemente superior e teve sua melhor oportunidade aos 38, com Diego López parando o chute de Isco em dois tempos.

Ainda melhores na volta do segundo tempo, os boquerones fizeram o primeiro gol da partida aos 20 minutos. De fora da área, Santi Cazorla acertou chute preciso, no canto inferior, longe do alcance de Diego López. Depois disso, o Submarino Amarillo passou a atacar mais e levava perigo principalmente com Borja Valero.

Já o lance capital para o placar da partida aconteceu aos 36 minutos, quando Carlos Kameni derrubou Hernán Pérez dentro da área e acabou expulso. O goleiro reserva Rubén foi para a meta do Málaga, mas não conseguiu segurar a cobrança de Marcos Senna, que decretou o empate.

E, intensificando a pressão, o Villarreal chegou à virada no último lance da partida. Após cobrança de escanteio, Rubén afastou o cruzamento da área com um soco. Contudo, a sobra acabou nos pés de Hernán Pérez, que soltou a bomba e, com o goleiro caído, acertou o canto da meta malaguista.

Nilmar entrou aos 11 minutos do 2º tempo, teve poucas chances de gol, por ainda estar se recuperando da última lesão. Estamos sempre na torcida por dias melhores para nosso guerreiro.

Fonte:  Trivela

Curta nossa fanpage!