domingo, 1 de janeiro de 2012

Luigi: "Nilmar gostaria de voltar para o Inter"

É quase impossível que Nilmar volte para o Brasil, mas caso vier, o destino de nosso ídolo seria o Inter. Quem garante isso é o presidente do Colorado, Giovanni Luigi.

O dirigente revelou ter conversado com o atacante do Villarreal e seu sogro, José Eduardo Guimarães, há 60 dias. Foi quando Luigi recebeu a palavra de Guimarães de que, caso houvesse oportunidade do camisa 7 do Submarino Amarelo voltar ao país, procuraria o clube gaúcho para abrir as tratativas.

- Se viesse para o Brasil, o primeiro contato que ele faria seria com o Inter. O Nilmar gostaria de voltar para o Inter – afirmou em entrevista à Rádio Band.

No entanto, a mudança não deve ocorrer agora. Orlando da Hora, empresário do jogador, ressaltou o carinho do jogador pelo Inter, mas o sentimento não seria o bastante para amolecer o coração dos dirigentes do Villarreal. O representante não acredita que o clube libere o atacante antes de junho. A complicada situação na tabela do Campeonato Espanhol – está na 17ª colocação, uma acima da linha do rebaixamento – aliada à lesão do atacante Rossi, inviabilizam qualquer possibilidade de negócio.

- Pela posição do Villarreal, é quase impossível ele voltar. Não podemos pressioná-los – afirmou em contato com o GLOBOESPORTE.COM.

A questão, segundo Da Hora, é mesmo o futebol, não dinheiro. O empresário afirma que a Roma ofereceu 20 milhões de euros (cerca de R$ 48 milhões) para o clube espanhol, que rechaçou a oferta. Além disso, ele lembra que, atualmente, os times brasileiros pagam tão bem quantos os europeus. Além a Roma, o São Paulo manifestou interesse em contar com o jogador. O Flamengo e o Fluminense também sondaram o atacante.

Fonte: Globoesporte.com

Curta nossa fanpage!